© 2023 por Amante de Livros. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Google+ B&W
Please reload

Tags
Destaque

A águia que não queria voar (James Aggrey & Wolf Erlbruch)

December 28, 2017

1/10
Please reload

Intensiva Não nos calemos!

01.06.2017

 Ilustrado por: Jéssica Tsai

 

Há certas coisas que são inexplicáveis, guerras, brigas, violência, fome, desigualdade social, abandono. Nem sempre, nossa casa é um lar. 

 

Apesar do Brasil não estar oficialmente em guerra, é impossível dizer que moramos em um país pacífico. Convivemos com a violência no nosso quintal, e em alguns casos dentro de nossa própria casa. Das 50 cidades mais violentas do mundo, 19 são brasileiras; a mortalidade infantil é alta no Brasil, muitos lares não tem saneamento básico e água potável.  Há também a violência urbana, muitos dos jovens negros em nossas grandes cidades e periferias não chegam aos 25 anos. Isso sem falar, nas que muitas de nossas crianças convivem diariamente com a violência familiar, estando sujeitas a agressões e abusos físicos e psicológicos.

 

Nos enganamos quando pensamos que nossas crianças desconhecem duras realidades como fome, seca, guerra, alcoolismo, abuso sexual. Seja porque elas estejam em contextos de vulnerabilidade, ou que estejam informadas por meio da mídia, elas conhecem e estão conscientes das dores do mundo.   

 

Na tentativa de proteger nossas crianças, às vezes as calamos ou as distanciamos de outras vivências, fazendo parecer que são poucos os que sofrem. Nosso convite esse mês é conversar com as crianças sobre alguns desses temas duros e criar um espaço de segurança e escuta. 

 

Como educadores, é importante desenvolvermos a consciência cidadã com nossas crianças. Se você tem acesso a esta revista, se você é um leitor que tem acesso a livros infanto juvenis de qualidade, você é sim um cidadão privilegiado.

 

Cabe a nós nos sensibilizarmos para essas questões. E atentarmos ao nosso papel como agentes de mudanças na complexa e intrincada rede de relações em que estamos inseridos.

 

Por isso, respire fundo, neste mês trazemos livros que nos joga no mundo lúdico e criativo das crianças e empoderam leitores a serem mais empáticos e mais protagonistas. Nesses livros, as crianças ilustram seus temores e adversidades com monstros e sombras e transformam seu cotidiano através das palavras e imaginação. Dor e alegria, pobreza e esperança, indignação e imaginação… Tudo se mescla em nossas obras indicadas, formando um lindo e complexo mosaico de vivências.

 

 

 

 

 

Please reload