© 2023 por Amante de Livros. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Google+ B&W

Leitura dialógica é uma forma compartilhar a leitura de histórias atráves do diálogo sobre a obra. Conversa-se sobre a história, contada em texto e imagens. Os papéis tradicionais de contador e ouvinte não são tão rígidos, pois o mediador de leitura encoraja as crianças a participarem ativamente na roda de histórias. O diálogo deve ser conduzido com perguntas abertas, convidando ao pensamento e à imaginação, incentivando a leitura crítica e a interpretação do texto e das imagens, indo além do literal. O nivel de complexidade das perguntas depende  da obra e da idade e experiência das crianças. Tenta-se sempre desafiá-las a ir além do ponto em que estão, incentivando-as a pensar em novas possibilidades, a expressar seus pontos de vista e apreciar e compreender os dos demais.

 

Essa leitura distingue-se da tradicional por facilitar a participação das crianças na contação. Aqui o objetivo não é o silêncio do ouvinte, mas a fala ao redor da história, trazendo benefícios para a compreensão, o desenvolvimento do vocabulário e da expressão verbal, assim como o gosto pelos livros e pela leitura. O até então ouvinte dever ganhar a possibilidade de intervir na contação contando experiências de vida, o que mais gostou num personagem, chamar atenção para as possíveis interpretações que podem ser dadas, falar sobre os sentimentos presentes nos personagens, etc. A leitura dialógica incentiva a imaginação e o pensamento abstrato. Formar novos leitores é o papel da leitura dialógica, leitores que sejam capazes de abstrações cada vez maiores, e que consigam questionar o que foi lido, fazer inferências e antecipações e captar os planos mais sutis da narrativa, que vão além dos eventos da história. 

 

Mas afinal... O que é leitura dialógica?