© 2023 por Amante de Livros. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Google+ B&W
Please reload

Tags
Destaque

A águia que não queria voar (James Aggrey & Wolf Erlbruch)

December 28, 2017

1/10
Please reload

O Contrário (Tom MacRae & Elena Odriozola)

27.10.2016

 

Imaginem ser assombrado e perseguido por um estranho vulto mascarado. Só você o vê e ninguém mais! E fica pior... por que ele faz um monte de bagunça e você - VOCÊ - leva a culpa! Esta é a história que McRae e Odriozola nos contam, o dia de Mateus começa normal... com exceção do contrário que está ali de tocaia de olho nele.

Não importe o que faça o quanto de cuidado ele tenha, o contrário dá um jeito de estragar e fazer tudo ao pé da letra.

Os pais de Mateus não veem este vulto e não acreditam quando Mateus conta dele, o mesmo acontece com a professora e seus colegas. E agora o que Mateus pode fazer?

 

Pontos de conversa:

1) Imaginação e criatividade;

2) Assombrações;

3) Relacionamentos pais e filhos;

4) Escola;

5) Pessoas desastradas;

6) Amigos imaginários;

7) Metalinguagem;

8) Pares complementares e opostos;

9) Paradoxos;

10) Desobediência;

11) O "do contra".

 

 

Dicas de mediação:

1) Começamos pela capa, pois o título é curioso a maior parte das crianças, e a imagem deixa mais questões do que respostas. Podemos então perguntar: o que significa contrário? A que somos contrários? Na capa, qual dos meninos parece ser O Contrário

2) O livro começa com uma cena assustadora: "Quando Mateus acordou naquela manhã, o Contrário estava no teto, olhando lá do alto para ele" (Página 9). O que você faria se acordassem com alguém te olhando lá no teto? =O Quem já viu filme de terror deve saber o que fazer!

3) Nosso protagonista, Mateus, tenta consertar a situação mandando o Contrário descer, "Mas o foi o contrário que aconteceu, ele ficou e não desceu" (Página 9). Será que as crianças já viram isso acontecer? De alguém pedir algo e a pessoa não obedecer? 

4) Mateus é esperto, ou já conheceu alguém como este vulto antes, porque ele prontamente chama o pai e diz que tem um contrário em seu quarto (Página 11). Mas seu pai não vê (Página 14), e chama atenção do filho "você nunca foi de inventar história para ficar na cama!". Para onde foi parar o Contrário? O que vocês fariam no lugar do Mateus?

5) Ao tomar seu café, o Contrário aprece novamente, atrapalhando seu afazer diário e dessa vez é sua mãe que não vê o Contrário e chama atenção de Mateus. Como você se sentiria no lugar de Mateus? Já aconteceu de brigarem com você por algo que você não fez? (Páginas 15 a 18). 

6) Chegando na escola, não achamos o Contrário, e parece enfim que Mateus vai ter um sossego fazendo sua pintura em aquarela (curiosamente, as próprias ilustrações do livro são em aquarela). "Mas então o Contrário aconteceu. Em vez de ir para o papel a tinta foi parar na cabeça de Mateus" (Páginas 21 e 22). O Contrário reapareceu e tanto a narrativa quanto as ilustrações nos contam a bagunça que ele fez pois a tinta foi parar na cabeça de Mateus, mas depois parou no chão, nas paredes e na professora! Você já esteve em um lugar bagunçado e colorido assim? Conhece alguém capaz de fazer tanta arte?

7) A professora - assim como seus pais - não vê o Contrário e chama Mateus na regulagem (página 22). Então Mateus tem uma ideia diferente para lidar com o Contrário. Se o Contrário fazia exatamente o contrário do que Mateus dizia... Por que não dizer o contrário do que queria que o Contrário fizesse? (Páginas 23 e 24). Hora de perguntar as crianças... o que elas diriam então para o Contrário se quisessem que ele sumisse? E se quisessem que ele pedisse desculpas? E se quisessem que ele ajudasse a arrumar a sala?

8) Arrumando seu desenho, Mateus deseja mandar o Contrário ir embora de vez, paradoxalmente pedindo para ele ficar (Páginas 25 e 26). A aula volta ao normal e parece que todos se esqueceram que viram o contrário de Mateus, menos ele, que lembra muito bem de toda confusão que ele aprontou. Por que será que só Mateus lembra de ter visto o Contrário?

9) O livro termina como ele começa, ao acordar, Mateus, se depara com o Contrário no teto, olhando para ele. Só que dessa vez ele sabe o que fazer.  =) E ai? Você já topou com seu contrário? O que pediria para ele fazer?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Dic

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Please reload