Please reload

Tags
Destaque

A águia que não queria voar (James Aggrey & Wolf Erlbruch)

December 28, 2017

1/10
Please reload

O menino que desejava se tornar um Ser Humano (Jørn Riel & Christel Espié)

19.01.2017

 

As dificuldades que tornam os homens mais duros, também fortalecem laços e propiciam sentimento de comunidade e fraternidade. Vikings e inuítes são povos que nos ensinam sobre isso. E juntos, vão nos fazer refletir sobre o que é ser um ser humano nesta obra.  Pois o cenário pode ser de gelo e frio, mas O menino que desejava se tornar um Ser Humano é uma história de muito afeto e calor humano e é em meio a neve que floresce mais do que uma amizade, mas sim uma verdadeira família.

 

As ilustrações são cinematográficas! Uma verdadeira imersão nesse lugar do mundo que parece tão distante de nós, brasileiros. No 

 

Pontos de conversa:

1) Islândia - vikings, geografia, história, cultura;

2) Gronelândia - inuítes, geografia, história, cultura;

3) Luto;

4) Vingança;

5) Vida no mar;

6) Tradição oral e contos;

7) Povos nômades;

8) Relações familiares;

9) Choque cultural;

10) Imigração;

11) Exílio;

12) Situações extremas e emergenciais;

13) Amputação;

14) Adolescência;

15) Adoção;

16) Comunicação;

17) Amadurecimento.

 

Dicas de mediação:

1) Vocabulário! Jørn traz algumas palavras típicas, como drakkar e oumiak recorra ao glossário no final do livro sempre que necessário. Ajude as crianças a compreenderem e ampliarem o vocabulário.

>> Para facilitar para os leitores de nossa revista, separamos nossas dicas através dos capítulos do livro <<

2) Capa: ilustração e título. Ajude as crianças a descobrir onde a história poderia se passar. Além disso, provoque as crianças a imaginar sobre o que será a história. Trata-se de um título bem curioso, afinal o se o menino queria se tornar um ser humano, o que ele é agora?

3) Capítulo: O fim de uma infância na Islândia. Neste capítulo somos apresentados a Liev, que teve o pai assassinado por Throstein. Liev segue o assassino de seu pai em seu exílio para matá-lo e vingar seu pai, mas um acordo é feito.

a) Onde fica a Islândia? O que vocês sabem sobre o povo viking? É legal levar imagens dessa cultura para as crianças conhecerem mais (roupas, símbolos, armas, barcos, tipo de alimentação, tipo de construção).

b) Liev mudou seu jeito de ser após a morte do pai, antes era brincalhão, turbulento e alegre; passou a ser silencioso e calmo. Vocês já perderam alguém? Conhecem alguém que perdeu? Houve alguma mudança no seu jeito de ser?

c) Throstein diz a Liev que assim como o menino quer vingar seu pai, Throstein precisou matá-lo em m0tivo de vingança. O pai de Liev havia matado parentes e amigos dele. Será que Liev sabia isso de seu pai? Será que muda em alguma coisa seu relacionamento com ele?

d) Liev tenta matar Throstein, mas este propõe que Liev primeiro cresça e se torne forte para que então eles possam resolver suas diferenças. O que vocês acharam da postura de Throstein? Vocês aceitariam esse acordo?

4) Capítulo: Narua e Apuluk. Conhecemos novos personages, dois irmãos que moram na Gronelândia e são inuítes, conhecemos um pouco sobre a vida deles.

a) Assim como no primeiro capítulo aconselhamos o mediador a levar informações e imagens sobre o povo viking, sugerimos que levem também da cultura inuíte. 

b) Descobrimos que na língua local, inuíte também significa ser humano, com isso nosso título ganha outro sentido, auxilie as crianças a ampliar a compreensão sobre o título.

c) O que há de comum entre ser uma criança inuíte e uma criança brasileira? E o que há de diferente?

5) Capítulo: Os bardos estrangeiros. Um choque de culturas acontece quando os inuítes vêem barcos gigantescos passando.

a) Os estrangeiros têm fama de serem cruéis, Nurua e Apuluk se perguntam se aquele povo estranho era realmente humano, por que será que eles pensam isso?

6) Capítulo: O naufrágio. É o capítulo em que uma tempestade gigantesca pega Throstein e seus marinheiros experientes de surpresa e Liev se vê em um grande problema.

a) Leia o título do capítulo e faça suspense. O que pode acontecer para fazer um navio naufragar? 

b) Descobrimos que o humor de Leiv volta ao normal após o acordo que fez com Throstein, o que será que mudou?

7) Capítulo: O encontro. Os irmãos saíram para caçar e encontraram Liev, ele está congelado. Estranham suas cores (de pele, olhos e cabelos) e descobrem que ele não fala sua língua.

a) O que vocês fariam se encontrassem alguém na situação de Liev?

b) Os irmãos bolam o plano de esconder Liev e ensinar sua língua antes de apresentá-lo aos anciões. Por que motivo resolveram fazer isso?

c) Mesmo sem saber uma língua em comum as crianças inuítes deixam Liev falar, parece que ele passou por experiências atrozes. O que será que ele estava tentando dizer a eles?

d) Além dos nomes,  os irmãos ensinam para Liev as palavras: fogo, fome, sim e não. Por que essas palavras? Que outras palavras seriam importantes para ele aprender no primeiro dia?

8) Capítulo: A adoção. Após algum tempo escondido do mundo, Liev aprende a língua dos irmão e ganha roupas quentes e botas. Sente-se próximo deles, ao chegar na moradia causou um reboliço. O pai das crianças o encorajou, mas o xamã, Shili, pede sua morte. É uma mulher que intervém para protegê-lo.

a) Uma tia das crianças usa da ironia para expôr o xamã como covarde, enfatize e tonalize a ironia com cuidado para as crianças entenderem. 

c) O pai deles diz que seu novo filho lhe foi enviado pela Mãe do Mar. Alguma das crianças conhecem a mãe do mar brasileira (Iemanjá?)

9) Capítulo: Três amigos. Um ano se passa, os amigos crescem e se tornam ainda mais próximos, um dia se vêem em uma situação muito difícil.

a) Implicavam com Nurua por ela andar com os meninos "mas ninguém jamais tentou retê-la em casa por causa disso". Por que será que as meninas não podiam andar com os meninos?

b) O pedaço de gelo em que estavam acampando rachou e eles ficaram à deriva  (explique as crianças o que significa essa expressão), ajude as crianças a imaginarem a cena. Uma maneira de explicar o que aconteceu é mostrar um pedaço de gelo sobre a água, além de flutuar o gelo aos poucos vai derretendo e ficando mais frágil. O que será que os amigos irmãos podem fazer para sair do perigo?

10) Capítulo: À deriva. Em situações extremas, medidas extremas. Nesse capítulo aprendemos um pouco sobre queimaduras de gelo. Depois de dias perdidos no mar, o pedaço de gelo em que estão se aproxima da terra firme. E eles aprendem sobre a cultura um dos outros. 

a) O que há de diferença e o que há de semelhanças entre as culturas vikings e inuíte?

b) Por que Liev deseja se tornar um Ser Humano (inuíte)?

11) Capítulo: Uma ursa mal-humorada. Eu que não gostaria de encontrar com uma, acho que nem Leiv, Nurua e Apuluk esperavam por ela também. Uma nova surpresa inesperada. Thorstein está vivo e aparece para ajudá-los!

a) Como será que Thorstein sobreviveu? Leiv parece muito feliz em revê-lo, será que ele não pensa mais em vingança? Por quê?

b) Ao se aproximar da aldeia vinking, mesmo machucado e quebrado, Liev é "invadido por um sentimento ao qual não sabia que nome dar". Que sentimento poderia ser esse?

12) Capítulo: O menino que desejava ser um Ser Humano. Leiv e Thorstein trocam suas aventuras e presentes são dados.

a) Nós que já acompanhamos a aventura de Liev e sabemos de seu desejo de se tornar um ser humano. Será que ele ficará com seu povo ou ficará com seus novos irmãos? Qual seria a sua escolha?

 

Please reload

© 2023 por Amante de Livros. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Google+ B&W