© 2023 por Amante de Livros. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Google+ B&W
Please reload

Tags
Destaque

A águia que não queria voar (James Aggrey & Wolf Erlbruch)

December 28, 2017

1/10
Please reload

O Homem que Amava Caixas (Stephen Michael King)

01.05.2013

Certas coisas são de tamanha importância que não encontramos palavras, talvez nem a busquemos ou até elas não sejam a melhor forma de expressar essas coisas. Nesses casos, como dizer? Esse livro trata dessa complexidade de forma simples, delicada, poética e sensível sobre a história de um pai que amava caixas e seu filho. Da mesma forma que ele busca outro meio além das palavras de se expressar, o livro também nos oferece a oportunidade de vivenciar as história por meio de ilustrações únicas, cheias de movimento, cor e sentimento.


Pontos de conversa:

 

1) Imaginação;

2) Brincadeira;

3) Amor;

4) Sentimentos;

5) Relacionamentos;

7) Caixas;

8) Autenticidade;

9) Incompreensão;

10) Pais e filhos;

11) Criatividade;

 

Sugestões para a leitura dialógica:

 

1)      Pergunte e converse sobre os possíveis objetos que podem estar guardados nas mais diversas caixas apresentadas (páginas 12 e 13);

2)      Pergunte e converse sobre o porquê da dificuldade do homem em dizer que amava seu filho, se eles já estiveram em situação semelhante e quais conselhos/dicas dariam a esse homem (páginas 14 e 15);

3)      Que coisas ele pode construir para seu filho (páginas 16 e 17);

4)      Você já fez algum brinquedo, brincou com caixas? Encoraje-os a compartilhar suas experiências (páginas 24 e 25);

5)      Pergunte e converse sobre o porquê dos velhos e vizinhos agirem dessa forma? Se você fosse o pai como se sentiria? (páginas 26 a 29);

6)      Pergunte e converse sobre a maneira que o homem lida com a situação (páginas 30 e 31);

7)      De que outras maneiras podemos compartilhar o amor que sentimos pelos outros? (página34).


 

Dicas:

a)      A leitura de um livro já começa na capa, não estamos falando de um preconceito, mas sim de permitir imaginar expor expectativas, analisar as informações que são passadas pelo título e as ilustrações. Esse é o começo da leitura e por isso seria interessante que esse momento seja compartilhado com as crianças, afinal quem são esses personagens, por que o homem amava caixas, como será essa história?

b)      O livro traz consigo ilustrações de uma beleza singular não se esqueçam de que a leitura não está só nas letras! Explore cada página, seus detalhes e impressões.

Please reload